A Retomada do Orgulho

Dezembro de 2009, estádio Couto Pereira. O Coritiba é rebaixado no ano de seu Centenário após não vencer o Fluminense (que, por sua vez, escapa) e a sua “torcida” protagoniza as cenas mais lamentáveis de violência, vandalismo e depredação que eu vi no Esporte Brasileiro nos meus trinta anos de vida.

Naquela tarde, todos tinham ódio do Coxa. De sua torcida de vândalos. De um time que “não sabia perder”. Triste. O estádio Couto Pereira é interditado por N jogos, e os baderneiros (maioria deles, membros de Torcidas Organizadas do Coxa), severamente banidos dos estádios.

Ninguém fazia idéia qual era o futuro do Coritiba. Até onde o baque de um Rebaixamento no Centenário e cenas deploráveis poderiam manchar a centenária e rica história do Campeão Brasileiro de 1985 e tantas outras conquistas bacanas. Porém, ao invés de baquear, o Coritiba preferiu trabalhar. Trabalhar duro.

O Coritiba, Campeão Nacional de 1985. Duas etapas para repetir o feito dos anos 80.

O Coritiba, Campeão Nacional de 1985. Duas etapas para repetir o feito dos anos 80.

O primeiro passo era voltar a ser Campeão Paranaense, título que não pintava no Alto da Glória desde 2008. E lá foi o Coxa faturar o Paranaense de 2010. O segundo passo era voltar a Primeira Divisão. Também alcançado com êxito. O Coritiba estava de volta a primeira divisão no fim de 2010.

Até então, o objetivo estava alcançado. Não era necessário provar mais nada pra ninguém pra mostrar o porque o Coritiba é um gigante. Mas, o Coritiba resolveu fazer mais.

Comandados por Marcelo Oliveira, a nova sensação entre os treinadores e não satisfeito em voltar a Primeirona, é novamente Campeão Paranaense invicto em 2011 batendo um Recorde de Vitórias que foi parar no Guinness Book. Barcelona ? Boca Juniors ? Milan ? Que nada. O recordista de vitórias no Livro dos Recordes era o alviverde paranaense, com imbatíveis 24 vitórias consecutivas.

De quebra, também é Finalista da Copa do Brasil com direito a embates épicos como um 6×0 no Palmeiras nas Quartas de Final. Na Finalíssima, foi bravo, mas sucumbiu para outro timaço: o Vasco da Gama, de Ricardo Gomes (antes de seu terrível AVC no Brasileirão).

O ano de 2011 era perfeito pro torcedor do Coxa. De quebra ainda via os rivais Paraná Clube e Atlético Paranaense serem rebaixados no Estadual e Nacional, respectivamente.

Os títulos tão esperados da Copa do Brasil e do Brasileirão não vieram. Sem problemas. Veio 2012 e o Coritiba gostou da idéia de 2011 e resolveu repetir tudo de novo: Tricampeão Paranaense e novamente na Final da Copa do Brasil, ao vencer ontem o São Paulo, por 2×0 no Couto Pereira. Era a retomada definitiva do orgulho coxa-branca, tão abalada em 2009.

O Coxa, já finalista e em clima de êxtase, agora aguarda Palmeiras ou Grêmio logo mais para saber o seu adversário na Final de 2012. O Palmeiras venceu a primeira partida por 2×0 em Porto Alegre e atua hoje em SP tentando segurar o placar e ir a Final desta edição da Copa do Brasil.

Grande Coxa ! Gigante, cara. Até pra quem não é torcedor do Coritiba, como este que vos escreve. Que reação fantástica. Na bola, na raça e no orgulho. Valeu a pena o trabalho pra dar essa volta por cima pós-desastre de 2009.

Relembrando em traje de gala e clima de festa os grandes tempos de 1985, de Lela, Índio, Rafael Cammarota, do xerifão Gomes e do saudoso mestre Ênio Andrade, quando o Paraná parou para receber os Campeões Nacionais, que calavam o Maracanã. Maraca, onde o Bangu reunira as quatro torcidas dos gigantes do RJ para apoiá-lo na Final. De nada adiantou. Deu o clube paranaense nos pênaltis após um 1×1 brigadíssimo.

Ali estava o Coxa. O Coxa, que trouxe o sorriso no rosto da geração de torcedores nos anos 80, tenta repetir o feito de ser Campeão Nacional mais uma vez. E, quer saber ? Com todo o respeito a Grêmio e Palmeiras, mas tá merecendo.

Parabéns, Coritiba Foot-Ball Club! A redenção no Paraná é alviverde.

Éverton Ribeiro despacha o Tricolor Paulista e leva o Coritiba a mais uma Final. Agora vai ?

Éverton Ribeiro despacha o Tricolor Paulista e leva o Coritiba a mais uma Final. Agora vai ?

Até mais !

Luís Butti
Twitter: @luisbutti

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s