Delícia, Delícia…Assim Você Me Mata !

Amigos, neste início de tarde, temos estréia. Saio de cena nas primeiras horas da tarde e dou licença a mais um colaborador deste nobre espaço.

Meu amigo Vinicius Manfredi de Azevedo estréia sua coluna no Blog. Também corinthiano, mas com sabedoria plena para comentar todos os clubes e focado no em Marketing Esportivo, Vinicius é mais um a deixar sua marca no EU, RADAMÉS Y PELÉ.

Espero que gostem. Em breve, novos amigos torcedores de diversos clubes devem estrear também.

Mais tarde a gente se vê.

Luís Butti
Twitter: @luisbutti

==================================================================

Ai, se eu te pego, ai ai, se eu te pego!

Sim, essa música surgiu como grande sensação no ano passado e não estou aqui para elogiá-la ou criticá-la, mas sim para fazer um paralelo com o que temos de na gestão dos clubes brasileiros…

Reflitam…Será que essa música é tão nova assim quando pensamos no mundo esportivo? Desde que me entendo por gente, e que acompanho o mercado esportivo, “escuto” essa música e tenho certeza que vocês também, ela não é tão nova quanto parece!

É o reflexo da ambição descontrolada dos grupos políticos que, para vencerem, são capazes de sangrar o próprio clube, aquele pelo qual choramos, cantamos, sonhamos, vibramos, enfim, vivemos!

Que levante a mão aquele que lembrar de um clube que jamais sofreu com crises motivadas pela politicagem, sim, no sentido pejorativo, dentro dos clubes? Hoje em dia, o caso latente é o do Palmeiras, que vive uma guerra interna, repleta de polêmicas e que explode nos resultados esportivos da equipe. Independente do seu time de coração, isso é triste! Hoje é o Palmeiras, ontem foi o seu clube ou, amanhã, poderá ser!

Falo pela imensa Fiel Torcida, que encerrou um ano de muita superação com duas grandes conquistas, um título e o tão sonhado estádio saindo do papel… Só eu estou com receio do desfecho dessas eleições? Independente do vencedor, já é nítida a insegurança que o clube está vivendo, marcada por polêmicas entre as chapas e até envolvimento da torcida organizada contra uma decisão arbitrária do presidente do conselho deliberativo do Corinthians. Estaria o grande campeão brasileiro ameaçado de viver a instabilidade política que reinou no seu maior rival em 2011?

O gremista Michel Teló. Curiosamente, o Grêmio é um dos que sofrem com Diretorias nefastas, na figura de Paulo Odone

O gremista Michel Teló. Curiosamente, o Grêmio é um dos que sofrem com Diretorias nefastas, na figura de Paulo Odone

 

Meu desabafo é direcionado aos “Michéis Telós” do Sport Club Corinthians Paulista, mas serve para todos os coronéis do mundo da bola. “Por favor, não façam o time do coração de milhões de brasileiros viajar do céu para o inferno, vocês devem ser os anjos da guarda, os verdadeiros guardiões e não o diabo, responsável por acabar com a alegria da massa”!

Por alguns momentos, a gestão dos clubes se parece muito com as máquinas públicas…Para assumir, é um apedrejamento da oposição à situação, quando a eleição é vencida, o foco é mostrar os erros da gestão passada ao invés de desenvolver o clube, melhorar o atendimento ao cliente, investir nas categorias de base etc…Pra mim, soa como aquele velho papo da herança maldita, das obras interrompidas e acusações intermináveis que cansamos de ouvir de Malufs, Martas, Lulas, Serras, Kassabs e tantos outros que contribuem para a bagunça da administração pública.

 

Já sofremos com a política no país e não precisamos dela para sofrer com nossos times, cada batalha em campo já é responsável por isso. O meu único pedido aos “políticos” dos clubes é o mesmo que faço aos “políticos” do país, mas que já me cansei: sejam honestos e lembrem que o objetivo de vocês é o mesmo, independente da diferença de ideologia e filosofia de trabalho.

OBS: Só nos resta saber, quem é representado pela frase “nossa, nossa, assim você me mata”…Pra mim, é como se o clube tivesse falando isso aos grupos políticos ou então, o lamento do torcedor que entra ano, sai ano, se depara com situações desagradáveis e que traçam um destino sombrio e perigoso, mesmo quando a “maré cheia”!

 

 

Vinícius Manfredi de Azevedo

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Delícia, Delícia…Assim Você Me Mata !

  1. Sábias palavras! É muito comum nos depararmos com “politicagem” e guerra de interesses na gestão de um clube, o que atrapalha muito no âmbito de instituição. Hoje já li que o Vágner Love no Flamengo bancará a reeleição da atual gestão, que o Andrés está sofrende pressão dos conselheiros pelas declarações sobre o Adriano. Aí me pergunto: até quando?
    Parabéns pelo texto, parceiro Vinícius.
    Parabéns pelo blog, corinthianíssimo Luís.

    Abraços!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s