Um apelo pela paz

Amigos do Blog EU, RADAMÉS Y PELÉ, é o seguinte.

Hoje, Dia 24 de Janeiro de 2012, está completando vinte anos da passagem do nosso amigo Rodrigo de Gásperi, primeira vítima brasileira a morrer num estádio de futebol  por violência entre torcidas.

Uma data que deveria servir de bandeira pela paz. Mas, infelizmente está sendo solenemente ignorada pela imprensa esportiva.

O clássico entre São Paulo Futebol Clube e Sport Club Corinthians Paulista, válido pelas Quartas de Final da Taça São Paulo de Juniores de 1992, sabe Deus porque, acontecia no minúsculo e desestruturado Nicolau Alayon, do Nacional da Capital Paulista.

Não deu outra. O garoto, na época com 13 anos, é acertado por uma bomba caseira atirada de forma covarde pela torcida tricolor e morre quatro dias depois, 24 de Janeiro do mesmo ano.

O assunto, na época ganhou grande repercussão nacional, Rodrigo virou nome de parque na Capital Paulista, virou ícone da bandeira pela paz nos estádios e….e… ? E o assunto parou. Hoje, véspera da Final da Taça SP entre o Corinthians, de Rodrigo de Gásperi e o Fluminense, onde haveria o momento ideal para uma manifestação vinda dos clubes, das torcidas e da Federação Paulista de Futebol, pelo jeito ficará restrita aqui, ao nosso Blog.

Pode procurar. Seja no Google, no Twitter, no Facebook ou no Orkut. Não é possível encontrar absolutamente nada até o presente momento, 15 horas e 30 minutos do dia 24 de Janeiro sobre alguma manifestação pela paz baseada na data. Pena.

Não importa quem matou, quem morreu. O que importa é que é uma bandeira de todas as torcidas. Um jogo que, graças a Deus estamos virando ano a ano, mas não é motivo para a bandeira branca se acovardar perante a mão que surra ou que apedreja.

Que a Nova Era do Futebol, com as moderníssimas Mega-Arenas em construção, Copa do Mundo 2014, Copa das Confederações, Futebol Olímpico do Rio 2016, sejam todos estopim para a “erradicação completa” de toda e qualquer violência nos estádios, dentro ou fora dele.

Amanhã, a Capital Paulista completa 458 anos. Seria um belíssimo presente a gente começar por aqui a fazer alguma coisa.

E então ? O que você faz pela Paz ?

Viva Rodrigo de Gásperi ! Aonde você estiver, a luta pela paz continua viva.

NOTA DO BLOG: Apesar de não termos nem um mês de vida, estamos abertos com solidariedade para toda e qualquer manifestação de Paz vinda da família do Rodrigo de Gásperi em lembrança da data.

 

Luís Butti
Twitter: @luisbutti

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s